Este site salva seu histórico de uso. Ao continuar navegando você concorda com a política de cookies e privacidade .

Pronta para o futuro.

Desde 1959, a Cia Müller vem criando Boas Ideias, visando qualidade e versatilidade. Conheça-nos um pouco mais!

GESTÃO CERTIFICADA PELO ISO 9001 E 14001

certificados

PRODUZIDA DE ACORDO COM A LEI JUDAICA

certificados

BOAS PRÁTICAS AMBIENTAIS

certificados

COMPROMETIDA COM A SAÚDE E SEGURANÇA OCUPACIONAL

certificados

RANKING CÚPULA DA CACHAÇA

certificados

RESERVA 51 CARVALHO AMERICANO CONQUISTA CRYSTAL TASTE AWARD

certificados

RESERVA 51, UMA DAS MELHORES CACHAÇAS DO MUNDO.

certificados

LINHA RESERVA 51 TÊM PRODUTOS PREMIADOS NO CONCURSO TASTING AWARDS 2020

certificados

A Cia. Müller de Bebidas tem uma área especificamente destinada ao controle permanente de qualidade, que se encarrega também das atividades de Pesquisa e Desenvolvimento. A inclusão da qualidade como uma área operacional, bem como sua incorporação como um processo, são fundamentais para que a companhia permaneça detentora dos certificados ISO que conquistou.

A Companhia Müller é avaliada, nas plantas industriais de Porto Ferreira e Pirassununga, pela empresa BDK do Brasil, onde recebeu a Certificação Kosher para os seguintes produtos: Cachaça 51 (Nacional e Exportação), 51 Gold, Reserva 51, Terra Brazilis, Caninha 29, 51 Ice (Balada, Kiwi e Maracujá) e Vodka Polak.

A Companhia Müller de Bebidas, na unidade fabril Destilaria (Vale do Xingú) é signatária do Protocolo Agroambiental do Estado de São Paulo, que reconhece as boas práticas ambientais do setor sucroenergético com um certificado de conformidade, chamado de Etanol Verde, renovado anualmente.

A ISO 45001:2018 é uma norma de requisitos relacionados ao Sistema de Gestão de Saúde e Segurança Ocupacional. Ela permite que uma organização forneça locais de trabalho seguros e saudáveis e melhore continuamente seu desempenho de saúde e segurança ocupacional.

A cachaça extra premium Reserva 51 única, foi eleita a 5ª melhor cachaça do país pelo II Ranking Cúpula da Cachaça 2016 – um grupo de especialistas no assunto e reconhecido pelo Ministério da Agricultura na Câmara Setorial da Cachaça.

Júri internacional premia o produto três anos seguidos com três estrelas

Sendo reconhecida mundialmente pela sua alta qualidade, a linha de cachaças envelhecidas Reserva 51 vem conquistando medalhas no Concurso Mundial de Bruxelas e recentemente em 2018 além da Prata e Ouro já conquistadas também anteriormente, foi condecorada com a medalha Duplo Ouro, premiação máxima do concurso.

PLANTIO E COLHEITA

O processo começa no plantio da cana-de-açúcar, onde ela é cortada e processada na época correta para manter o teor maior de sacarose. A cana é colhida de forma mecanizada, e limpa pelas máquinas ainda no campo e processada imediatamente após o corte, ou em no máximo 48 horas preservando sua integridade.

DESTILAÇÃO

Ao chegar na indústria, a cana é preparada, lavada, picada e desfibrada, seguindo para a moagem. Após a extração do caldo, ela segue para os tanques de fermentação onde as leveduras transformam a sacarose do mosto em cachaça. A destilação é feita em colunas de aço inoxidável num processo contínuo.

PADRONIZAÇÃO E ENVASE

Após a destilação, todos os produtos são padronizados de forma a manter o sabor e aroma idênticos em cada garrafa. O processo de envase é automatizado e passa por um rigoroso controle de inspeção eletrônica e humana, garantindo o volume de enchimento, integridade e assepsia. O envase e rotulagem da Cachaça 51 são feitos mecanicamente. A Reserva 51 recebe tratamento diferenciado por se tratar de uma cachaça extra premium de tiragem limitada, o processo de envase e rotulagem é manual um a um para garantir a integridade do produto e assepsia do processo.

QUALIDADE E MEIO AMBIENTE

Todo o processo de produção segue rigorosos padrões de qualidade e preservação do meio ambiente atestados pelas normas internacionais ISO 9001 e 14001. São utilizados equipamentos e técnicas sofisticadas para o controle de qualidade do produto em todas as etapas do processo. Os resíduos, tanto agrícolas como industriais são reaproveitados nos próprios processos produtivos.